Prestadores de Serviço: o que Gestores de FM falam sobre essa relação

Pesquisa Nacional: Inovação em FM

Nossa pesquisa sobre Inovação em Facility no Brasil nasceu do anseio de saber mais sobre o momento atual do setor, frente a diversas transformações que estão acometendo o mercado: desde gestão 4.0 e transformação digital, até a chegada dos millennials no mercado de trabalho. Como uma solução tecnológica inovadora para o setor de FM e serviços, entender esse momento da área é muito importante para nós.

Ao todo, contamos com quase 100 respostas ao formulário online que foi distribuído aos nossos públicos por lista de e-mails e Linkedin, e ficou no ar cerca de 30 dias (entre junho/julho de 2019). A pesquisa contou com profissionais de Facility ou áreas relacionadas, de grandes empresas do Brasil, onde o cargo Coordenador de Facilities foi o da grande maioria.

Segue abaixo, trecho da análise de algumas das questões objetivas, que pediam que o participantes escolhessem uma alternativa à uma questão pontual, esse método nos permitiu quantificar com mais precisão as respostas do questionário.

No momento, a pesquisa completa foi disponibilizada apenas para quem respondeu o questionário. Se quiser receber o material completo, você pode se inscrever nesse link, baixando algum dos infográficos que estão sendo disponibilizados. O e-book deve ser lançado para o público em geral até o fim do ano.

Facility em Números: Gestão dos Prestadores de Serviço

Como você avalia seus prestadores?

Essa seção de nossa pesquisa tinha por objetivo entender o cenário dos fornecedores de serviços de facility em relação aos tomadores. Por isso, nossa pesquisa focava em respostas bastante objetivas, onde a opções eram Bom, Regular, Ruim. Dessa forma, conseguimos desenhar um panorama de como os gestores de FM se sentem atendidos por seus fornecedores.

Dessa forma, iremos listar as questões de relacionamento com fornecedores, e as respostas alcançadas por cada um:

Disponibilidade dos supervisores para resolução de conflitos – se mostra Regular em 50% dos casos, e Boa em 36,73 deles;

Qualidade percebida dos serviços em geral – é apontada como Regular por 50% dos participantes, e como Boa por 39,8% deles;

Avanço tecnológico apresentado com relação ao gerenciamento dos serviços (sistemas, aplicativos, hardware, etc.) – ao questionar tecnologias para gerenciamento, as respostas ficam em 55% Regular, e mais de 30% Ruim.

Nível de especialização e conhecimento dos gestores de contrato designados pelos prestadores – ao pensarmos a gestão de contratos, temos um cenário parecido com a presença de tecnologia nos serviços: 51% Regular, 23,5% Ruim, e 25,5% Bom.

Você recomendaria seus prestadores?

Seguindo a lógica do NPS (Net Promoter Score), ao serem perguntados, de forma aberta e ampla, se recomendariam seus fornecedores, o cenário é diferente. Mais de 60% dos respondentes indicam que possivelmente recomendariam seus fornecedores, sendo que apenas 12,24% estão certos que o fariam. Com isso, apenas 5,1% dos participantes realmente não recomendariam seus fornecedores para outras empresas.

Análise de Dados em Gestão de Serviços

Diversos participantes já citaram a análise de dados como o futuro para ma gestão de Facility mais estratégica e analítica, e não mais presa em métricas analógicas do passado. Enquanto a redução de custos ainda é principal desafio em FM, podemos projetar um futuro em que processos inteligentes entreguem mais do que um menor custo, mas sim um planejamento orçamentário otimizado. Como falado anteriormente, uma tecnologia que entregasse uma visão em tempo real de todas as operações de FM, como um ecossistema, e gerasse relatórios aprofundados de como sua gestão de serviços está se comportando e onde pode melhorar – isso é inteligência de dados e de negócios (BI), a serviço do departamento de Facility. Tomemos como exemplo os fornecedores de serviços: nos gráficos que trouxemos sobre o relacionamento com os prestadores, diversas respostas dos Facility Managers ficaram entre “ruim” e “regular” – o que não é um bom resultado!

Contudo, ainda assim, a grande maioria recomendaria essas empresas. Por que isso acontece? É visto que, de forma geral, eles ainda percebem o serviço como de qualidade, e por isso não hesitariam em fazer a recomendação. Contudo, quando indagados sobre questões mais práticas, puderam perceber que não estão bem atendidos, ou pelo menos, não têm informações que digam o contrário – por isso análise de dados é tão importante! Ao conseguir analisar padrões, é possível perceber quedas de produtividade, desperdícios de recursos, atendimento/quebras de conformidades (contratos e SLAs), e muito mais. Poder visualizar todas essas informações de forma integrada contribui para que o gestor de Facility entenda seu prestador de serviço, negocie melhores condições para trabalharem juntos, e aprimore a qualidade dos serviços prestados.

Sistema Inventsys FMS conta com integração com o Power BI da Microsoft para você gerar os mais diversos relatórios de dados com base em sua operação de serviços.

Domínio sobre o know-how

Uma grande discussão vigente no mercado, diz respeito a responsabilidade com relação a implantação de inovações tecnológicas nos processos. Trazer sistemas e tecnologias inovadoras dever partir do Prestador de Serviço ou do Tomador?

Bem, esta resposta é bem fácil. Se a inovação diz respeito a própria execução do serviço em si, como novos métodos e produtos de limpeza, por exemplo, esta inovação deve ser trazida pelo Prestador de Serviço. Mas, no entanto, se a inovação está relacionada ao gerenciamento ou gestão de processos, onde serão embarcados o know-how e os dados do dia-a-dia da empresa tomadora de serviços, não resta dúvida que a propriedade desta inovação deve estar na mão do Tomador.

Imagine embarcar todos os controles automatizado de manutenção e rotinas de limpeza, por exemplo, e alimentar com dados diários um sistema por mais de 1 ano. Se o sistema for de propriedade do prestador, num evento de cancelamento de contrato, a empresa perde todo o know-how embarcado. Por isto, recomendamos que o Tomador de Serviço adote a solução e exija que o prestador alimente os dados.


Infográfico: Tecnologia e a Relação com Prestadores de Serviço

Você quer baixar o e-book completo da pesquisa? Ele deve ser lançado para o público em geral até o final desse ano. Por enquanto, você pode se inscrever nesse link para garantir série de conteúdos com base nos dados da pesquisa, e ser avisado assim que o material completo estiver disponível. Acesse e baixe infográfico sobre FM: Relacionamento com Prestadores.


By Flahane Roza | Conteúdo Inventsys | Linkedin

Autor: inventsysfms

Somos uma start up desenvolvedora do sistemas Inventsys FMS e AMS, a primiera solução desenvolvida exclusivamente para o setor de Facility Management e Utility Services do Brasil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.